Segue a definição de autoliderança de acordo com Manz e Sims Jr. (1991):

“Autoliderança é um processo no qual o indivíduo se auto-influencia para desenvolver um autoconhecimento, seja quem ele é, o que é capaz de fazer, para onde está indo, e com isto, obter a autodireção e a automotivação necessárias para se comportar e atuar de tal forma que alcance a sua meta pessoal desejada”

Quando o líder faz gestão de si mesmo, de forma muito segura, toma as melhores decisões.

O fato é que muitas vezes quem ocupam cargos de liderança, deixam muito a desejar e não entregam os resultados que a empresa espera que seja entregue.

Toda empresa quer ter sua equipe formada por profissionais inteligentes, persistentes, autodisciplinados, inovadores, apaixonados, responsáveis e muito comprometidos.

Liderar é fazer com que os liderados acolham as ideias e o plano de ação do líder, muitas vezes, sendo diretrizes da própria empresa.

Quando o líder é equilibrado, positivo e possui atitudes empreendedoras, focado em resultados, este contagia a impulsionar seus liderados a buscarem melhores resultados.

autoliderança

Para isso só basta para o líder desenvolver sua autoliderança, que é o poder de liderar a si mesmo com maestria e efetividade.

Busca ter equilíbrio do que faz e em suas decisões.

Hoje, muito se fala sobre liderar pessoas, mas antes deste ponto vem uma questão chave totalmente relacionada: o líder exerce a autoliderança?

Afinal, como querer que alguém coordene um grupo de pessoas, sendo que nem a si mesmo consegue gerenciar?

Como irá cobrar pendências, prazos, metas dos seus liderados se ele mesmo costuma atrasar seus compromissos?

A questão principal neste ponto é que o Líder, direta ou indiretamente se torna um modelo para seus liderados.

Se o Líder não faz algo, porque seus liderados irão fazer?

O verdadeiro líder, antes de coordenar pessoas, lidera a si mesmo com maestria e têm resultados positivos em sua vida pessoal e profissional.

Veja o que Dee Hock, ex-CEO da empresa Visa, fala sobre autoliderança:

“Se você está querendo liderar, invista pelo menos 40% do seu tempo liderando a si mesmo – sua ética, seu caráter, seus princípios, seu propósito, sua motivação e sua conduta. Invista pelo menos 30% do seu tempo lidando com os que exercem sobre você alguma autoridade e 15% do seu tempo lidando com seus pares. Use o resto do seu tempo gerenciando aqueles para quem você trabalha.

Uso o termo “para quem trabalha” muito de propósito, pois se você não entende que deve estar trabalhando para os que, equivocadamente se chamam “subordinados”, você não entendeu nada. Lidere a si mesmo, lidere seus superiores, lidere seus pares e libere sua mente para fazer o mesmo. Tudo o mais é trivial.”

Autoliderança, além de ter relação com questões de liderar a si mesmo e liderar outras pessoas. Têm influência direta para ter uma vida positiva, feliz e de sucesso.

O líder ou qualquer pessoa que tenha essa característica desenvolvida, tende a ter sua inteligência emocional muito bem apurada.

E colhe muitos resultados positivos.

Sua capacidade para lidar com situações de estresse e adversidades são muito maiores. Além, de adquirir novos comportamentos quando necessário e mudar rapidamente hábitos negativos.

autoliderança

Inicie o processo de autoliderança agora…

Quando alguém faz gestão de si mesmo, sentindo, pensando e observando de forma muito segura o que acontece ao seu redor, com as pessoas e o ambiente onde está inserido, toma decisões certas para resolver questões de maneira mais eficiente.

Muitas pessoas entendem que autoliderança é algo muito simples.

Pois sua vida é estável, tudo acontece com muita naturalidade.

Quando algo sai do eixo.

Isso é resolvido de forma muito tranquila, pois estão prontas e preparadas para essas questões que a vida traz.

Outras pessoas, que ainda tem dificuldades em liderar a si mesmo.

Procure identificar o que está faltando.

Trace um plano de ação de desenvolvimento pessoal, para encontrar este equilíbrio.

Muitas vezes, será necessário fazer uma reflexão interna para identificar e resolver pendências, conflitos e bloqueios.

Se você se identifica com estas questões e quer desenvolver sua autoliderança.

O primeiro passo é olhar para dentro de si.

Isso significa perceber a si mesmo, mudar e aprender.

Além de procurar se desenvolver e buscar aprendizado constante.

Se conhecer a fundo.

Identificar o que te motiva e como tirar proveito disso, são atitudes fundamentais nesta questão de autoliderança.

Mas, caso queira ajuda para desenvolver a sua autoliderança e/ou desenvolver sua equipe, conheça o Método Attlantis que trabalha várias questões no desenvolvimento de líderes.

Fico por aqui, precisando de algo, conte comigo.

autoliderança

MANZ, C. C.; SIMS, H. P. Jr. Superleadership: beyond the myth of heroic leadership. Organizational Dynamics, v. 19, p. 18-35, 1991.

Publicado por

Sandro Ferrari

Sandro Ferrari

Consultor, Coach e Pesquisador.Especialista no desenvolvimento de líderes. Minha missão é desenvolver profissionais para que gerem melhores resultados.